5 dicas para não sofrer de stress de Natal

Carolina Jesus

Produtora de conteúdos

As festas não são apenas sinónimo de diversão. Entre a pressa de comprar as prendas de última hora e o desejo de evitar conflitos familiares, o Natal pode ser uma época muito stressante. Mas nós temos a solução para alguns dos seus problemas!

Quando pensamos no Natal, lembramo-nos do convívio à mesa de jantar, dos embrulhos debaixo da árvore, do cheirinho da comida e de muitos outros aspetos que compõem o espírito. Mas não nos podemos esquecer do stress que as festividades também nos trazem.

O melhor a fazer, para garantir que toda a família se diverte, é tentar evitá-lo e, quando este acontece, combatê-lo. Confira as dicas que temos para si!

  • Ser realista, quanto às expectativas

Não caia na tentação de idealizar uma ceia de natal com uma grande variedade de pratos, de imaginar os tópicos de conversa à mesa ou de planear cada atividade que vão fazer durante o dia.

Deve delinear algumas expectativas para as festas, mas é importante que essas sejam realistas, para não dar azo a que meros imprevistos causem grandes frustrações. Fale com a sua família e estabeleçam os maiores objetivos e o que mais gostariam de fazer durante a quadra natalícia.

  • Fixar um limite financeiro

Além de ser uma época stressante, também é muito dispendiosa. As prendas, a decoração e o que se põe na mesa podem desgraçar a nossa carteira e é por isso que é importante estabelecer um limite.

O planeamento natalício deve ser feito com muita antecedência e isso traduz-se imediatamente na imposição de quanto dinheiro queremos gastar. É necessário designar no quê e quanto, sendo esses objetivos realistas.

Desta forma, também existe uma melhor organização, que possibilita que as compras sejam mais rápidas e menos cansativas.

  • Não olhe para o que diz a balança

Já lhe demos algumas dicas de como ter um Natal sem quilos a mais. No entanto, se não está a conseguir cumprir o objetivo que estipulou para a sua dieta, não se stresse com isso.

Se há altura para fugir à dieta, então é na época natalícia! Não está a falhar só por estar a comer algo que lhe dá prazer, num dia em que é suposto estar feliz. No entanto, tente comer de forma saudável e não abusar nas quantidades.

  • Tenha um Natal à prova de Covid-19

Com os casos a aumentar, o medo de trazer a Covid-19 para a ceia de Natal é natural. Para evitar que tal aconteça, deve seguir as medidas de segurança da DGS.

Além disso, seria benéfico se cada um dos membros familiares se testasse contra a Covid-19, para garantir que todos os afetos são dados com a maior segurança.

Não se sinta mal em recusar convites para festas e jantares de Natal, de forma a proteger os seus entes próximos. Surgirão outras oportunidades e o importante agora é não pôr em risco a sua consoada.

  • Aproveite e divirta-se!

Parece fácil, mas quem organiza as festas esquece-se, muitas vezes, desta parte. Mesmo que cozinhar e enfeitar a casa seja divertido, dê espaço para descontrair com a sua família.

Participe das atividades que planeou, ria-se das conversas à mesa e celebre o Natal como merece, depois de todo o trabalho que teve a prepará-lo.

Outras histórias que vai querer ler

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.