Aveia: o cereal amigo de quem quer perder peso e baixar o açúcar no sangue

Izabelli Pincelli

Produtora de Conteúdos

Ajuda na manutenção do peso, previne doenças cardiovasculares, melhora a saúde intestinal, é repleta de fibras, vitaminas…  É um dos cereais mais famosos e consumidos do mundo e proporciona diversos benefícios para o nosso organismo. Vamos lá ver quais as vantagens de consumir a aveia regularmente.

A nível mundial, apesar de apresentar apenas 1% da produção de cereais, a aveia é considerada o sétimo cereal mais importante economicamente, segundo estudos citados pela Science Direct. A sua produção é mais comum em climas frios, sendo as suas sementes muito sensíveis ao calor durante a sua formação.

Além disso, apenas 10% da aveia produzida é utilizada para consumo humano e entre 50% e 90% são utilizados como ração para animais. Também esta é bastante usada para fins medicinais e até mesmo industriais como na fabricação de luvas e cosméticos.

Mas afinal, quais as principais vantagens do consumo correto da aveia? Um cereal composto por fibras, hidratos de carbono, proteínas, vitamina B1 e minerais como o ferro, o cálcio, o magnésio, o zinco, o potássio e diversos outros só pode resultar em um vasto leque de benefícios. Vamos conhecer alguns:

Ajuda a reduzir o colesterol

Por ser rica em fibras solúveis, nomeadamente as betaglucanas, a aveia reduz a absorção de gordura pelo organismo. Após a dissolução dessas fibras em água, é formado um gel responsável por expelir moléculas de gorduras do nosso corpo e assim, contribuir na redução dos níveis de colesterol total e LDL, popularmente conhecido como “colesterol mau”.

Previne doenças graves

Ao reduzir os níveis de colesterol, nomeadamente os presentes no fígado, a aveia também garante benefícios ao coração e reduz o surgimento de doenças cardiovasculares. Esses baixos níveis, ajudam a “limpar” o sangue e a diminuir também o risco de cancro colorretal.

Controla a glicemia

O consumo de fibras presentes na aveia, em especial as betaglucanas referidas anteriormente, ajudam a controlar a glicemia, promovendo uma maior tolerância à glicose no sangue. Devido a isso, a aveia pode auxiliar no controlo de diabetes tipo 2.

As betaglucanas são responsáveis por diminuir a obstrução intestinal contribuindo para retardar a absorção de glicose e regularizar os níveis de insulina.

Combate a obesidade

A aveia apresenta um baixo índice glicémico devido as fibras e proteínas que possui, sendo assim, uma importante aliada para auxiliar na perda de peso e combater a obesidade.

As fibras insolúveis são responsáveis por retardar a gastroparesia (esvaziamento gástrico), o que resulta em uma maior sensação de saciedade.

Como consumir a aveia?

A aveia pode ser consumida através de três formas: flocos, farinha e farelo. Para quem procura perder peso, a aveia em farelo é a mais aconselhada, pois possui uma maior concentração de betaglucanas.

Os flocos de aveias possuem uma maior concentração de nutrientes, podendo então ser misturados com iogurtes naturais, frutas e/ou saladas. Já a farinha de aveia, apesar de não possuir tantas fibras como as anteriores, é muito utilizada na culinária na preparação de pães, bolos, panquecas, etc.

O consumo diário ideal é de entre 20 e 30 gramas, isto se traduz em cerca de três colheres de sopa. A ingestão de água durante o dia, após o consumo da aveia, ajuda a evitar a prisão de ventre.

Cuidados a ter ao consumir a aveia

Apesar dos diversos benefícios, é importante estar atento a quantidade de aveia consumida diariamente e os alimentos adicionados na mesma. Quando consumida em excesso e com açucares e/ou alimentos doces como adicionais, a aveia pode causar inchaço e contribuir para o ganho de peso e aumento de açúcar no sangue.

Além disso, apesar do cereal Aveia sativa não conter glúten na sua forma natural, quando é cultivado, em rotação com outros cereais, é possível ocorrer a absorção do mesmo. Portanto, não é correto afirmamos que a aveia é isenta de glúten.

Outras histórias que vai querer ler

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.