Chia: uma pequena semente, um grande passo para a saúde

Diana Rosa

Jornalista

A chia é uma pequena semente que contém em si um mundo de benefícios que nem dá para imaginar. Esta bolinha acastanhada é enriquecida por uma variedade de nutrientes como proteína, hidratos de carbono, fibras dietéticas, ómega-3, minerais e vitaminas, além de ter um elevado teor antioxidante.

É considerada um superalimento, tem um poder altamente saciante, e habitualmente é misturada em líquidos como iogurtes, sumos ou batidos, mas também já faz parte de receitas sólidas como bolos, bolachas dietéticas e até mesmo pão. A semente de chia é uma aliada do sistema cardiovascular e tem vários benefícios que vamos ficar agora a conhecer.

Previne doenças cardiovasculares

Dada a presença de ómega-3, que age como anti-inflamatório, controla os níveis do colesterol, e previne a aterosclerose.

Ajuda a perder peso

Uma vez que contém antioxidantes, além de ser um alimento que absorve bastante água (daí ser misturada em líquidos) aumentando o seu tamanho inicial e promovendo uma sensação de maior saciedade, que lhe vai diminuir a fome durante mais tempo.

Regula o trânsito intestinal

O que também ajuda na perda de peso e na saúde em geral, uma vez que o intestino é o nosso segundo cérebro. Devido ao seu elevado teor de fibras, a chia estimula o movimento intestinal, promovendo as idas à casa de banho.

Previne a diabetes

As fibras também têm um papel importante no controlo da glicemia, fazendo com que o açúcar seja absorvido de forma mais lenta e evitando picos indesejáveis.

Previne o envelhecimento precoce

E quando falamos de envelhecimento não nos estamos a referir só a rugas, mas ao organismo em geral. Os antioxidantes presentes nas sementes de chia impedem a absorção de radicais livres, desintoxicando o corpo e retardando o envelhecimento, para além de favorecer o sistema imunitário.

Regula o colesterol

As fibras insolúveis fazem com que a gordura existente no organismo seja eliminada e não seja absorvida pelo sangue, o que previne a formação de placas nas artérias e diminua os elevados níveis do mau colesterol.

Previne a osteoporose

Graças ao elevado teor de cálcio presente nesta semente, a chia é aliada de ossos e dentes, prevenindo fraturas e fortalecendo o tecido ósseo em geral.

Quer uma dica boa para usar a chia à refeição?

Confira este pudim fácil, rápido, de comer e chorar por mais!

Pudim de chia com puré de pera

Ingredientes:

180 ml de bebida de aveia

2 peras cozidas

40g de sementes de chia

2 colheres de sopa de mel ou xarope de agave

1 colher de chá de canela

Nozes picadas

Preparação:

Numa taça, junte a bebida vegetal, o mel ou xarope, a pera cozida e a canela. Envolva bem. De seguida, junte as sementes de chia e misture novamente. Tape a taça com película aderente e leve ao frigorífico durante a noite. No dia seguinte, com o pudim já solidificado, polvilhe com as nozes picadas grosseiramente. Está pronto a servir.

Outras histórias que vai querer ler

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.