Da pêra rocha do Oeste à Banana da Madeira. “Heróis da Fruta” chegaram à televisão

Escolher Viver

É um projeto que tem dez anos e que visa reforçar o consumo de frutas e legumes nas crianças. Agora, salta das escolas para a televisão. É uma série de animação desenvolvida pela Associação Portuguesa Contra a Obesidade Infantil (APCOI), com vozes de Jessica Athayde e Diogo Amaral. O Canal Panda, a RTP2, a RTP Madeira, o Porto Canal, a Local Visão TV e o Meo Kids associaram-se à ideia.

O Dia Mundial da Alimentação, que se assinalou este sábado, 16 de outubro, ficou marcado pela estreia na televisão nacional do projeto Heróis da Fruta, desenvolvido pela Associação Portuguesa Contra a Obesidade Infantil (APCOI). Este projeto-campanha, lançado há dez anos nas escolas chegou agora sobre forma de uma série com 26 episódios.

A série “Heróis da Fruta” retrata as aventuras de um grupo de super heróis que querem salvar o planeta, viajando pelo país à procura de frutas e legumes de origem nacional para ganharem superpoderes, “à dentada”.

Mário Silva, presidente da APCOI e coordenador nacional do projeto Heróis da Fruta explica que “esta série é uma adaptação para desenhos animados da iniciativa Heróis da Fruta que a APCOI implementa nas escolas, desde 2011, para prevenir a obesidade infantil, através do incentivo ao consumo diário de frutas e legumes.” O responsável referiu que já foram melhoradas os hábitos alimentares de mais de 500 mil crianças, com esta iniciativa.

O projeto chega aos ecrãs dos portugueses com a participação dos atores Jessica Athayde e Diogo Amaral, que dão voz às  personagens principais desta série. “Adorei dar voz à personagem Sushi neste projeto da APCOI. É fundamental formarmos os nossos filhos para bons hábitos alimentares. Espero que os Heróis da Fruta ajudem a despertar novos hábitos nas casas de quem nos vai ouvir”, disse Jessica Athayde à Lusa.

Ao longo dos 26 episódios, os Heróis da Fruta vão dar o seu exemplo positivo às crianças e provar vários hortofrutícolas de origem nacional:

  • Kiwi de Portugal (16/out)
  • Melancia do Ladoeiro (17/out)
  • Uva do Ribatejo (18/out)
  • Abóbora de Soza (19/out)
  • Amendoim do Rogil (20/out)
  • Agrião de Água de Almancil (21/out)
  • Romã do Alentejo (22/out)
  • Amora do Minho (23/out)
  • Laranja do Algarve (24/out)
  • Ananás dos Açores (25/out)
  • Azeitonas de Elvas e Campo Maior (26/out)
  • Cereja do Fundão (27/out)
  • Cebola Roxa de Montemor-o-Novo (28/out)
  • Cenoura Baby Alentejana (29/out)
  • Batata-Doce de Aljezur (30/out)
  • Pêra Rocha do Oeste (31/out)
  • Morango de Mirandela (01/nov)
  • Mirtilo de Sever do Vouga (02/nov)
  • Pêssego da Cova da Beira (03/nov)
  • Feijão-Frade da Lardosa (04/nov)
  • Tomate de Alvalade do Sado (05/nov)
  • Figo-da-Índia Português (06/nov)
  • Meloa de Santa Maria (07/nov)
  • Banana da Madeira (08/nov)
  • Melão de Almeirim (09/nov)
  • Maçã de Alcobaça (10/nov)

A estreia está marcada para este sábado com emissão no Canal Panda, RTP2, RTP Madeira, Porto Canal, Local Visão TV e Meo Kids. Vai ser lançado também um livro solidário, para colorir e inspirado na série, que estará disponível no Aldi. A venda em parte reverte para apoiar este projeto escolar, tendo já permitido nos últimos anos levar toneladas de fruta a milhares de alunos que não levam lanche de casa.

Outras histórias que vai querer ler

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.