De 105 quilos até aos 58! A radical mudança que está a contagiar o Tik Tok

Carolina Jesus

Produtora de conteúdos

Se acha que as redes sociais transmitem apenas uma ilusão da realidade, temos uma história capaz de deixar cair o queixo, de uma mulher que usou o Tik Tok, para mostrar tudo, menos o facilitismo, na transformação do seu corpo. O resultado é surpreendente.

Georgia Malbrough não é apenas mais uma “Tik Toker”. A cidadã norte-americana, de Louisiana, veio ensinar-nos que nunca é tarde de mais para mudar a nossa vida e começar a cuidar da nossa saúde.

Mesmo tendo sido obesa na maior parte da sua vida, Georgia decidiu mudar a realidade a que estava acostumada, desde pequena: “Tivemos de fazer uma encomenda especial para o meu uniforme da claque porque aos seis anos já vestia o 43”, confessou ao Today Health, citada pela NiT.

Depois de ter sido mãe de três filhos, começou a perceber ainda mais os entraves que a obesidade trazia para a sua rotina diária – “Brincar com os meus filhos era exaustivo. Quando pensava no meu futuro, imaginava-me como aquela avó que levaria os netos em caminhadas. Mas não havia maneira de isso acontecer, se eu não fizesse um ajuste permanente à minha rotina quotidiana, logo naquele momento”, como sublinhou à Women’s Health.

Em fevereiro de 2018, quando teve o seu terceiro filho, pesava 105 quilos, com apenas 1,60 metros de altura. Treze meses depois de começar a sua luta contra a obesidade, conseguiu descer para os 58 quilos, peso que tem vindo a manter.

Mas como conseguiu esta mãe começar a mudar o seu estilo de vida, ao mesmo tempo que cuidava dos seus filhos? Fácil, resolveu juntar os dois! “Eu vestia o meu bebé e íamos passear uma milha (1,6 quilómetros). Passado um tempo, aumentei duas milhas.”

Além disso, também recorreu ao Instagram em busca de exercícios que pudesse fazer em casa –  “Eu amo exercícios de mobilidade, exercícios com kettlebell (levantamento de pesos) e impulso de anca. Comecei a praticar mobilidade quando torci o tornozelo e andava à procura de como o reabilitar” –  e que, ao mesmo tempo, a fizesse estar num filme de ação – “Os kettlebells fazem-me sentir como um ninja, e os impulsos de anca fazem o rabo crescer.”

Atualmente, Goergia vai ao ginásio seis vezes por semana, onde faz treinos de 40 minutos de musculação e de 20 minutos de cardio, mas afirma preferir as “segundas, quartas e sextas, porque são os dias de treino de pernas”.

Georgia não ficou por aqui e teve que mudar o seu regime alimentar. Se ainda não ouvir falar da dieta CICO, este é o momento.

Dieta CICO

Por ter um nome complexo, pode parecer assustadora numa primeira olhada. Mas a sigla CICO remete para a expressão “calories in versus calories out” (calorias que entram vs calorias que saem).

Georgia apenas começou a consumir menos calorias do que aquelas que o seu corpo queimava diariamente e sem deixar de comer o que lhe dava prazer: “Fui capaz de continuar a comer alimentos de que amava, sem os eliminar para sempre. Vamos ser sinceros: eu nunca ia parar de comer com os meus filhos ao jantar, apenas porque eles estavam a comer pizza e eu não podia”.

Dito isto, este tipo de dieta ajudou-a a regular o seu peso e a quantidade de comida que ingeria por dia – “Contar as calorias também me ajudou a perceber o quanto eu comia a mais. Quando comecei a colocar rótulos nos alimentos, deixou de haver espaço para eu dizer ‘Bem, eu não comi assim tanto’, podendo olhar para trás e ver que, de facto, tinha comido.”.

E, embora cada corpo seja diferente e seja necessário adequar dietas a necessidades distintas, a rotina alimentar de Georgia pode ser um exemplo para muita gente.

O que come Georgia Malbrough por dia?

Ao longo desta lista, é importante notar que Georgia consome todas as refeições, pois todas elas são importantes. Saltar refeições não é uma das soluções para a perda de peso.

  • Pequeno-almoço: Café sem açúcar e um batido de proteínas ou ovos mexidos;
  • Almoço: Carne picada com tempero de tacos, acompanhado de uma bowl de proteínas, recheada com queijo mexicano gratinado e sour cream;
  • Snacks: Uvas, pepinos com molho ou uma maçã
  • Jantar: Coxa de frango estufada com favas, arroz branco e brócolos cozidos;
  • Sobremesa: Iogurte grego com pudim de chocolate e morangos;

Mas o que tornou Georgia tão especial, para além de ter conseguido mudar o seu estilo de vida por completo? É o facto de encorajar outras mulheres a fazê-lo também.

No Tik Tok, onde assina como @georgia_beth_fitness, já angariou mais de 463 mil seguidores e onde partilha regularmente as suas práticas de exercício físico e onde motiva outras pessoas a começarem, também. – “Eu quero que outras mulheres percebam o quão fortes são. Quero que encontrem inspiração nelas próprias e nas mulheres que as rodeiam, em vez de a procurarem nas mulheres que veem nas redes sociais, que muitas vezes usam Photoshop. A parte que me deu mais força foi saber que o fiz sozinha — porque assim ninguém me pode tirar os créditos do trabalho árduo que tive de fazer”, salientou.

Num dos seus últimos vídeos para a plataforma e em resposta ao comentário de uma seguidora, que enunciava “Eu sei que deves ouvir isto a toda a hora, mas, embora eu já seja ativa, tu fazes-me querer trabalhar ainda mais”, Georgia reforça, dizendo “Eu adoro isto! Trabalha mais! Fá-lo, tu consegues!”.

Para além do Tik Tok, Georgia também é muito popular no Instagram, onde já tem mais de 83 mil seguidores e onde publica fotografias do antes e depois da sua transformação.

Outras histórias que vai querer ler

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.