Sofre de hipertensão arterial? Não? Não sofre ou não sabe?

 Sofre de hipertensão arterial? Não? Não sofre ou não sabe?

Não, não acontece só aos outros. Em Portugal, há cerca de três milhões de “outros”. É esse o número de portugueses que, estima-se, são hipertensos. Mais de um terço não sabe que tem a doença, uma verdadeira bomba-relógio que pode ser evitada. E a melhor forma de prevenir é não encolher os ombros e vigiar a tensão arterial, a partir dos 40 anos.

É uma doença silenciosa. E mata. Dois em cada cinco portugueses morre por doença cardiocerebrovascular, sendo esta a principal causa de morte em Portugal. A informação tem o selo da Sociedade Portuguesa de Hipertensão, o que, por si só, lhe confere credibilidade e faz-nos pensar. Num país onde mais de metade dos portugueses são obesos ou pré-obesos e 43% têm hipertensão arterial, este texto merece ser lido até ao fim.

Numa sociedade com um estilo de vida cada vez mais stressante e, ao mesmo tempo, sedentário (o teletrabalho não veio ajudar…), a hipertensão arterial deixou há muito de ser uma doença só de alguns. “Cada vez é mais precoce e deve ser tida em conta a partir dos 30, 35 anos”, avisam os especialistas.

Quais os sintomas de tensão alta?

Como já se disse, é uma doença silenciosa. Na grande maioria das vezes, não causa sintomas. Mas à medida que a idade avança e que a tensão mantém-se à solta, e sem controlo, a pressão arterial acaba por danificar precocemente os vasos sanguíneos e os principais órgãos do organismo, como o cérebro, o rim e o coração, podendo provocar sintomas como:

  • dores de cabeça
  • tonturas
  • zumbidos
  • aumento dos batimentos cardíacos
  • dor no peito
  • falta de ar

O que é uma boa tensão arterial?

Uma boa tensão arterial significa que a pressão com que o coração bombeia o sangue não é superior a 140 mmHg e não é inferior a 9 mmHg. Os valores podem variar de pessoa para pessoa, e depende um pouco da idade. Genericamente, entende-se que uma pressão arterial ótima é de 12/7 ou 12/8.

Quais as causas da hipertensão arterial?

Há um conjunto de doenças, condições ou malefícios que, todos juntos, concorrem para problemas de hipertensão. Se tem uma destas maleitas, mantenha-se em alerta. Se reúne duas ou mais destas condições, perceba que está na hora de mudar:

  • stress
  • excesso de peso
  • ingestão excessiva de sal, açúcar ou de álcool
  • tabaco
  • colesterol elevado
  • apneia do sono

E quais as consequências?

A longo prazo, a hipertensão arterial é um dos principais fatores de risco para o desenvolvimento de:

  • Acidente Vascular Cerebral (AVC)
  • ataque cardíaco
  • insuficiência cardíaca
  • insuficiência renal
  • perda gradual da visão
  • disfunção eréctil
  • doença arterial periférica

E como prevenir?

Já ouviu aquele ditado do que mais vale prevenir do que remediar. Pois, podemos parecer chatos, mas a história é mesmo essa. A palavra de ordem é evitar, controlar ou… travar a fundo.

  • não fumar
  • ter uma alimentação saudável, com redução de ingestão de sal
  • fazer exercício físico regular
  • evitar consumo excessivo de álcool
  • controlo de peso

Fonte: SNS 24

Outras histórias que vai querer ler

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.