O meu nome é Flor, Couve-Flor. E sou um dos vegetais mais completos da sua vida

Diana Rosa

Jornalista

É um legume antigo que tem um lugar marcado à nossa mesa desde sempre. Mas será que conhece os benefícios da couve-flor? Vai ficar surpreendido. Ótima na perda de peso e na prevenção de muitas doenças, a couve-flor deveria ser a sua melhor amiga à mesa.

Esta couve adocicada pertence à família dos crucíferos, da qual também fazem parte os brócolos e outros tipos de couve, mas distingue-se pela sua cor branca e pelas flores. É muito utilizada em dietas de emagrecimento por ser tão rica em vitaminas e fibras, e baixa em calorias.

Além disso, é muito versátil. Pode ser usada em todo o tipo de cozinhados, desde sopas, a assados, ou até mesmo tartes e pizzas. Depois de conhecer melhor este vegetal, não vai querer tirá-lo mais da sua mesa, uma vez que contribui para evitar várias doenças, como o cancro, por exemplo.

Fique aqui com as 7 razões para comer couve flor!

É rica em nutrientes

É dos legumes mais completos que pode consumir. Tem quase todas as vitaminas e minerais que o organismo precisa para se manter saudável. É rica em vitamina C, K, e B6, fibras, potássio, magnésio, folato, fósforo e manganês.

Previne o cancro

É uma fonte tão rica de antioxidantes, que protegem as células dos radicais livres e de inflamações. A couve-flor é rica em glicosinolatos e isotiocianatos, que retardam o crescimento de células cancerígenas, e evitam o aparecimento de cancro, nomeadamente no cólon, pulmão, próstata e mama. Além de reforçar o sistema imunitário, dada a elevada presença de vitamina C.

Protege o cérebro

Uma vez que tem alto teor de colina, desempenha um papel fundamental na saúde cerebral e na proteção dos neurónios, contribuindo para um sistema nervoso saudável. Desta forma, ajuda a prevenir doenças como Alzheimer e outro tipo de demências.

Ajuda a tratar a gastrite

Contém sulforafano, substância que previne o crescimento da bactéria H. Pylori (que provoca lesões no estômago e pode mesmo levar ao aparecimento de cancro).

O sulforafano pode ainda prevenir a tensão alta e manter as artérias saudáveis, reduzindo o risco de doenças cardíacas.

Ajuda na perda de peso

Cada 100 gramas de couve-flor tem apenas 25 calorias. Para além de ser um legume completo e saciante, cheio de fibras, é um ótimo substituto para o arroz e até mesmo farinhas, que são ingredientes que deve evitar quando quer emagrecer. Além disso, tem um elevado teor de água, o que o torna diurético, elimina toxinas, e promove o emagrecimento. Uma chávena de couve-flor tem apenas cinco gramas de hidratos de carbono. Comparando, o arroz tem nove vezes mais! O que torna a couve-flor numa alternativa low-carb igualmente saborosa. Para fazer esta substituição, basta ralar a couve-flor e cozinhá-la (por exemplo, na frigideira, com um fio de azeite e alho, durante 5 minutos).

Mantém a saúde dos músculos

Uma vez que é rica em potássio, vai contribuir para que reforce os tecidos musculares, assim como vai ajudar a recuperar de lesões causadas por determinados exercícios.

É rica em fibras

O que é um benefício bastante alargado para a saúde. Por um lado, sacia. Por outro, melhora o trânsito intestinal, diminuindo a prisão de ventre. Se consumir 100 gramas de couve-flor, está a contribuir com 10% das fibras que o seu organismo necessita ao longo do dia.

Como escolher?

Para escolher a couve-flor branca, esta não deve apresentar manchas acastanhadas nas flores, nem deve ter partes amolecidas, como sinal de que já não são frescas. Escolha uma couve com folhas firmes e vigorosas. Este é um legume acessível e fácil de encontrar em qualquer mercado.

Como conservar?

A couve-flor não deve ultrapassar os três dias no frigorífico. Para que não acabe por perder os nutrientes, lave e congele. É aliás uma boa alternativa para todos os legumes que não queira cozinhar de imediato.

Outras histórias que vai querer ler

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.