Oito benefícios da Beringela, essa mal-amada da nossa cozinha mediterrânica

Diana Rosa

Jornalista

É tudo menos consensual, a nossa querida beringela. Um sabor forte, mediterrânico, de baixo valor calórico e, normalmente, recomendado em planos nutricionais para perder peso. É usada em mistos de legumes, ou recheadas com carne ou atum, por exemplo.

A beringela é um legume originário da Índia, que quando chegou ao Ocidente era chamada de planta venenosa. Mas, com o tempo, começou a ser apreciado e o mito desfez-se. Esta beleza arroxeada ganhou terreno por terras mediterrânicas, e tornou-se um legume nobre no prato dos europeus. Hoje em dia, é recomendada em qualquer plano alimentar, e dizem que até ajuda a emagrecer.

Venha daí conhecer melhor todas as características e benefícios da beringela.

Valor nutricional

É um alimento que tem baixo teor calórico (tem apenas 25 calorias por cada 100 gramas), muitas vitaminas (como a B6 e C) e minerais (como potássio e magnésio), e poucos hidratos de carbono. Além disso, é uma ótima fonte de fibras. Ideal para uma dieta saudável.

Benefícios

  • Protege o coração – Uma vez que é uma fonte rica dos antioxidantes, já bem conhecidos por nós, com o nome de flavonóides, que encontramos principalmente na casca. O consumo desta substância ajuda a reduzir a pressão arterial, o colesterol, e a prevenir doenças cardiovasculares.
  • Ajuda na perda de peso – uma vez que é rica em fibras, oferece uma sensação prolongada de saciedade e reduzem o apetite.
  • Previne o cancro – Graças aos seus antioxidantes, a beringela protege as células de absorverem os radicais livres, diminuindo o risco de tumores.
  • Promove uma pele mais bonita – os nutrientes da beringela ajudam a manter uma pele mais saudável e brilhante, devido ao teor de vitamina C e antioxidantes.
  • Previne a anemia – uma vez que tem um elevado teor de ácido fólico, que ajuda na produção e boa formação das células sanguíneas.
  • Controla a diabetes – visto que é rica em fibras, que fazem com que os açúcares sejam absorvidos lentamente, ajudando a manter os níveis de glicose equilibrados.
  • Melhora a memória – graças aos antioxidantes que atuam no sistema nervoso central e ajudam a manter o cérebro saudável.
  • Previne problemas intestinais – as fibras presentes ajudam a eliminar toxinas e a regular o trânsito intestinal.

Como escolher?

A pele deve estar lisa, brilhante e sem rugas. A cor deve ser homogénea, e a extremidade superior bem verdinha. Conserve a beringela no frigorífico, e não deixe passar muitos dias sem consumir. Ela começa a ganhar manchas, rugas, e o sabor deixa de ser tão adocicado.

Como consumir?

A beringela é muito versátil e pode ser comida grelhada, cozida, assada ou salteada. Pode ser utilizada me pratos como lasanhas, empadão, legumes salteados, e todo o tipo de iguarias.

Outras histórias que vai querer ler

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.